O Centro de Defesa dos Direitos Humanos Dom Oscar Romero (Cedhor) recebeu do Ministério do Trabalho e Previdência a habilitação de entidade qualificada para ofertar aprendizagem profissional. O título foi dado através da Secretaria de Capital Humano, na última sexta (13).

Essa habilitação dá à instituição o direito de cadastrar cursos no Catálogo Nacional de Programas de Aprendizagem Profissional (Conap), para serem oferecidos pela instituição a partir da data de publicação da declaração.

O Cedhor já oferecia cursos profissionalizantes na categoria de cursos livres, que, segundo o Ministério da Educação e Cultura (MEC), “…podem apresentar características diversificadas em termos de preparação para o exercício profissional de algumas ocupações básicas do mundo do trabalho ou relacionadas ao exercício pessoal de atividades geradoras de trabalho e renda”.

O Projeto Me Leva, oferecido para 45 jovens de baixa renda da cidade de Santa Rita no ano passado, é um exemplo desta categoria de curso. Os estudantes tiveram aulas de português e oratória, contabilidade, recursos humanos, matemática financeira e turismo, além de conhecimentos gerais sobre o mercado de trabalho.

Novos cursos estão sendo planejados para serem oferecidos ainda no primeiro semestre de 2023.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *